Itar Machado garante pagamento de empréstimo e revela dívida na Fifa quase dobrada

Apesar de estar em busca de reforços para a temporada e descartando saída de jogadores – a última sobre o zagueiro Dedé para o Lyon -, o Cruzeiro continua não vivendo um bom momento nas finanças. E os valores vão aumentando ao longo do ano, complicando mais ainda a saúde financeira do clube

E os valores vão aumentando ao longo do ano, complicando mais ainda a saúde financeira do clube. Nos próximos dias, uma nova auditoria – contratada pela atual diretoria – deverá ter os resultados publicados. A expectativa é de números muitos ruins.

 

– O Cruzeiro fez, sim, esse empréstimo e deu garantia o crédito da Globo. A Globo autorizou e está sendo pago em dia. Quando chegar em dezembro, o Cruzeiro não vai dever esse empréstimo. É bom lembrar que, muitos de vocês não sabem, que alguns jogadores cogitaram nem se reapresentar aqui em janeiro, quando eu asssumi, por conta de salários. Você trabalhar com três meses de carteira atrasados e seis de imagem… O Cruzeiro, na nossa administração, e a lei consideram que a imagem é salário. Se você olhar, alguns jogadores estavam com seis meses e 100% estavam com três meses atrasados. Então, era preciso fazer um empréstimo, pois a gente não fabrica dinheiro. O Cruzeiro teve sim que fazer um empréstimo e graças a essa parceria com a Globo conseguiu quitar e alavancar as coisas.

Por Gabriel Duarte, de Belo Horizonte

Globo Esporte